dom. nov 27th, 2022
                            
A primeira semana de vacinação para crianças de 6 meses a 2 anos de idade com comorbidade tem sido marcada pela baixa procura por parte dos responsáveis pelo público-alvo no estado da Paraíba. Conforme apurou o ClickPB, na segunda maior cidade do estado, Campina Grande, até ontem (16) foram aplicadas apenas 10 doses. Com isso, a secretaria de saúde tem desenvolvido técnicas para incentivar a procura pela vacinação. De acordo com a a gerente de atenção à saúde, Samira Luna, o município tem desenvolvido um “busca ativa” por crianças com comorbidades e que estão na faixa etária. “Nós temos dois pontos de vacinação fixo e estamos fazendo busca ativa nas instituições que têm crianças como comorbidade, como por exemplo a Apae”, detalhou. Além desta ação, Campina Grande também está disponibilizando um número fixo (83 3310-6365) e um número de WhatsApp (83 9 9185-6474) para atendimentos. À reportagem, Samira detalhou que ao entrar em contato o o responsável pela criança poderá agendar para a mesma receber aplicação da vacina em domicílio. Os pontos fixos no município funcionam no Centro de Saúde Francisco Pinto, no centro e na Policlínica do Catolé. Em ambos os locais, o horário de funcionamento é das 8h às 12h e das 13h às 17h. É obrigatório apresentar documento oficial de identificação pessoal dos filhos e do responsável e também laudo médico que comprove a comorbidade. As vacinas para crianças até 2 anos são da Pfizer. É ofertada em três doses.

A primeira semana de vacinação para crianças de 6 meses a 2 anos de idade com comorbidade tem sido marcada pela baixa procura por parte dos responsáveis pelo público-alvo no estado da Paraíba. Conforme apurou o ClickPB, na segunda maior cidade do estado, Campina Grande, até ontem (16) foram aplicadas apenas 10 doses. Com isso, a secretaria de saúde tem desenvolvido técnicas para incentivar a procura pela vacinação. De acordo com a a gerente de atenção à saúde, Samira Luna, o município tem desenvolvido um “busca ativa” por crianças com comorbidades e que estão na faixa etária. “Nós temos dois pontos de vacinação fixo e estamos fazendo busca ativa nas instituições que têm crianças como comorbidade, como por exemplo a Apae”, detalhou. Além desta ação, Campina Grande também está disponibilizando um número fixo (83 3310-6365) e um número de WhatsApp (83 9 9185-6474) para atendimentos. À reportagem, Samira detalhou que ao entrar em contato o o responsável pela criança poderá agendar para a mesma receber aplicação da vacina em domicílio. Os pontos fixos no município funcionam no Centro de Saúde Francisco Pinto, no centro e na Policlínica do Catolé. Em ambos os locais, o horário de funcionamento é das 8h às 12h e das 13h às 17h. É obrigatório apresentar documento oficial de identificação pessoal dos filhos e do responsável e também laudo médico que comprove a comorbidade. As vacinas para crianças até 2 anos são da Pfizer. É ofertada em três doses.

Instagram
WhatsApp